quarta-feira, 2 de julho de 2008

No fundo, bem lá no fundo eu acho

O céu cinza claro, quase branco. Penso que o que mais temo e teimo vai acontecer...
Não posso mais pensar em você, te conheço só pelos meus pensamentos e te encontrei em um dia realmente estranho e bom.
O ruim de brincar com as palavras é quando elas são levadas á sério, não sei mais o que pensa de mim, mais sei que talvez não seja pecado o que queremos fazer. Só queria que soubesse que isso é o que menos importa para mim, só quero te ver de novo, e te conhecer de novo, quantas vezes você quiser me ver e quantas vezes eu querer ver seu sorriso
calado.


~*
"Por favor, não me analise
Não fique procurando cada ponto fraco meu.
Se ninguém resiste a uma análise profunda,
Quanto mais eu...
Ciumento, exigente, inseguro, carente
Todo cheio de marcas que a vida deixou
Vejo em cada grito de exigência
Um pedido de carência, um pedido de amor.
Amor é síntese
É uma integração de dados
Não há que tirar nem pôr
Não me corte em fatias
Ninguém consegue abraçar um pedaço
Me envolva todo em seus braços
E eu serei o perfeito amor."
(Mário Quintana)

Nenhum comentário: